segunda-feira, janeiro 11, 2010

Armellini roubando a cena #natural ...


Entonces... Acabo de assistir a estréia tão aguardada e sonhada do “É Tudo Improviso”. Vamos lá. Minha humilde opinião pessoal sobre o programa. Não amei de paixão, mas deu pra rir um mucado. Em parte as risadas vieram daquela tecla que eu bato sempre: Marianna Armellini é a melhor convidada do “Improvável”. FATO! Não entendo como tanta gente pode não gostar da Mari, ela dá um banho em todo mundo. Mega phoda. Sou fã e paga pau da Armellini.

Bora então falar dos “problems”. Sem papas na língua: Marcio Ballas como apresentador não rola. Daniel Nascimento para apresentador já. Sou paga pau do Ballas, mas prefiro milhões de vezes ele jogando e Daniel de MC. Daniel é o melhor MC do “Improvável”. FATO! Foge ao máximo do piloto automático e tem um carisma danado. #DanielNascimentorocks

“Problem number 2”: a quantidade enorme de personas por programa. Além da bandinha fuleira (3 personas - pra quem já viu banda Gigante ao vivo qualquer banda vira o ô do borogodó), do apresentador, dos ajudantes (4... aff), o elenco fixo é de 6 personas (Mari, Cris Werson, Marcão o phoda e os Barbixas), ainda me põe um convidado. Desculpa, mas falhó #Z.É.fellings Frustação total que me faz não querer ver o Z.É. (Zenas Emprovisadas) ao vivo, excesso de elenco.

“Problem number 3”: a banda fubanga. “Pus” que uma banda desconhecida quando se tem Marco Gonçalves no elenco do programa??? Alguém ai lembra que Marcão é o cara que não “ecxiste” de tão super foda??? Aliáis, alguém já viu Marcão transformar uma música fubanga do Terra Samba chamada “Carrinho de Mão” em uma música sensacional??? Ok... Vão ouvir Marcão tocando que depois “noise” proseia mais. Rubra Monroe (“so sexy”), Fonsa e Manjericones super rocks (como diz miss Tina, “una” pena que eu não esteja de chapéu agora, porque se tivesse tirava pra “Los Gigantes” #nadaavercomoprograma,masmomentoamandogigantes) para “É Tudo Improviso” já!

“Problem number 4”: a saturação dos Barbixas. Juro 6/7/8 sessões de “Improvável” por semana e mais o “Quinta Categoria” na MTV... Não sei como eles mesmos já não cansaram deles mesmos. Ano passado tive o prazer de ver a 7 apresentações do “Improvável” com 3 formações diferentes e mesmo com elenco diferente, em locais diferentes e jogos novos, me pareceu sempre a mesma coisa de sempre (sensação que eu não tenho mesmo depois de ter visto 8 apresentações ao vivo do “Jogando no Quintal”, mas ABAFA!). #lovejogandomodeon

“Problema number 5”: Arriscando ser repetitiva e cansativa: “nom” rola improvisação na tv. Improvisação É TEATRO, meu povo. Não tem que fazer “ass face”. Nenhuma t.v. do mundo há de dar a liberdade que os Barbixas ou seja lá quem for fazer em improvisação do que o teatro. Isso não é pra ser discutido. É apenas real. Outra, ouvi alguém dizendo e super concordo: o cenário parece o do “Descontrole” (antigo programa de Marcos Mion na Band).

Outro momento de frustração minha foi a participação do Marco Luque. Só pra constar, eu descobri e cheguei nesse povo todo (Barbixas, Olívias, Jogando) por causa do Luque. Ou seja, minhas expectativas para a participação dele no programa iam além da conta. O personagem que ele criou pro CQC acabou ficando cansativo, mas ainda assim, eu sou uma pessoa que bota fé no Luque. No entanto uma coisa que eu não entendo. Os atores que trabalham com humor de improviso reclamam a beça que são confundidos com stand-up. Então pra que raios me colocar em um programa de de improviso, um cara falando um pedaço de um stand-up??? Sim, porque o que o Luque fez a maior parte do tempo foi um trecho do stand-up dele (que por sinal eu não vi e nem preciso ver pra diferenciar uma apresentação de um texto de stand-up). #BrunoMottafellings

Vamos ver no que o programa vai dar. Confesso que mesmo tendo esse monte de pé atrás com o programa, estou dando graças a Deus do CQC estar de férias e eu não ter que ver a cara da Mônica Iozzi e de ter que ver em grupos de discussão do CQC gente avaliando as matérias que ela faz e que a gente com toda a certeza sabe que qualquer um dos outros 3 finalistas do concurso de 8º elemento do CQC faria melhor.

Eu com toda certeza tiraria do programa os ajudantes (ajudante é coisa de programa do Gugu #prontofalei), colocaria Ballas jogando, Marcão na banda e Daniel como apresentador. E tiraria a Cris do programa.

No mais é isso. Quem sabe no próximo post “Avatar” e “A Princesa e o Sapo”. Lembrando que amanhã/ hoje (já passou da meia-noite) estréia o BBB10 na "Grobo".
Meu beijo,
Odeth

2 comentários:

♥ Leila Diniz♥ disse...

Oiiie Odeth confetti!!!!
Xi q se eu soubesse até teria assistido, na verdade eu minto, não sabia, mas assistir uns minutos. (uma hora que o ballas estava fazendo uma receita), mas dai nao sabia se tinha começado a pouco tempo, e achei melhor continuar o filme do outro canal... ^^ Mas entaaao.. vou tentar ve ro peroximo, ok? =)
E BBB10... eita, vejo a propaganda, e lembro de minha sogra e de vc!!! ^^
beijaaaaaaaaaaaaaaaaao
e ate a proximaaas

dri disse...

Bom, falando em propaganda vc deveria ganhar um cacheeee por ter feito Merchandising do programa ... acho que vi cerca de pelo menos 2 post de vc perguntando quem iria ver o programa ... #prontofalei coleguinha falar que vc nao falou e que nao sabia nao ornou mesmo ... rs okkkk Marianna Armellini e phoda ... mesmo que a pessoa veja somente a receita do programa ja iria riiirrr mto e alto .. rs sem ler o seu texto cheguei na tua conclussao de luque rs ... tambem esperava mais mtoo mais bom ... acho que o daniel deveria ser o mc ... banda gigante deveria tocar ... e os barbixas deveria largar o programa rs ... deveria deixar a mari junto com os nossos queridos do jogando ... pronto falei rs